By Paulinha ♥

domingo, 30 de setembro de 2012

Status atual MUITO FELIZ \0/

Pessoal Amigo!!!!!!!

É com grande orgulho que compartilho com vocês o prêmio que o Blog A Toca da Joaninha ganhou da Veja Blog.com.br
Veio com os seguintes dizeres:

"Se você já faz parte da seleção, Parabéns!
Seu site está entre os melhores do Brasil.
Aproveite para pegar o nosso selo
e exibi-lo com orgulho em seu Blog/Site!"

Status Muito Feliz \0/ 

 Obrigada á todos os leitores e as Blogueiras Unidas!
 
Este selo é nosso \o/ \o/ \o/ Blogueiras!!!

Organizando o guarda roupa, parte III lingeries


Bora lá começar a organização das lingeries, despejando todas as peças sobre a cama.  
Após esvaziarmos a gaveta, vamos limpá-la com produtos da nossa preferência, mas antes de recolocarmos as peças devemos nos certificar de que estejam bem secas, para evitarmos o danado do mofo.


Na foto, a gaveta de calcinhas ao lado da gaveta de cuecas e meias do esposo,  na falta de espaço as peças estão juntas no mesmo espaço com auxilio do separador de gavetas excelente para organização.

Mas se as gavetas são só pra você, em uma coloque as calcinhas na outra seus sutiãs e se houver outra gaveta as meias.

Na falta de gaveta para guardar as meias poderemos colocá-las em uma cestinha ou em uma caixa organizadora .


 
 
Dobre as calcinhas em envelope, como ensina o desenho, assim será mais fácil organizá-las, as cuecas também.
Escolha qual tipo de organização será mais funcional para você, por cor, categoria ou por conjuntos.
Se a escolha for por cor, organize as peças perfiladas, das cores claras para as escuras.


É funcional fazermos uma seleção, onde as calcinhas manchadas, rasgadas, velhinhas ou furadas devem ser descartadas, pois além de fortalecer a auto estima, vamos abrir espaço para as peças novas, desapego as velhinhas já...


Os sutiãs de bojo e com estrutura na base, ou seja, aqueles que não dobram, devem ser colocados abertos na gaveta para que não deformem este cuidado fará com que durem mais!



Os sutiãs de bojo, sem 
estrutura na base, podem ser encaixados como “conchinha” e ficar ao lado dos estruturados, guardando as respectivas calcinhas, caso não haja espaço para separá-los em outra gaveta, dobre-as como envelope e coloque-as dentro do bojo.

 
Aquelas lingeries mais elaboradas, usadas em ocasiões especiais, podem ser guardadas em caixas organizadoras, assim iremos dispor de mais espaço para as peças do dia a dia.
 
 
Estão à venda no mercado, vários modelos de divisórias e separadores que facilitam a organização das gavetas, mas também podemos usar cestinhos, latas ou caixas organizadoras para manter as peças separadas e organizadas, o que com certeza vai facilitar a escolha.

       
 
Atenção habilidosas de plantão eis aqui uma idéia que pode ser lapidada, um separador com potes de sorvete ;)
 
O próximo post parte IV será sobre camisas.

Até já ;)


Organizando o guarda roupa - parte II

                                                            
 
Segundo passo, já que estamos livres das peças que não usamos mais, nosso prêmio, além da satisfação de ajudar alguém, será termos mais espaço, ou seja, nossa roupas vão ficar melhor acondicionadas, facilitando nosso dia a dia e é isso que precisamos, facilitar nossa vida, afinal já temos muitas outras coisas para fazer além de escolhermos a roupa ideal, que apesar de ser uma parte importante em nossa vida, deve ser um prazer e não uma "caça" ao tesouro perdido, com organização atingimos este objetivo!

Vamos começar a organizar por setor, colocar todas as roupas de uma das partes do guarda roupa em cima da cama, porque se colocarmos tudo de uma vez a bagunça vai ser generalizada! 


 Limpar o guarda roupa por dentro e por fora com produtos da nossa preferência, pode ser feito conforme a evolução da organização, tudo com calma, sem stress.

 
Se possuímos "aquele vestido de festa" lindo, mas muito marcante e cheio de detalhes e que só poderá ser usado em outra festa familiar daqui a uns 5 anos, mas mesmo assim não conseguirmos nos desfazer dele, o jeito é acondicioná-lo em uma caixa organizadora ou em um espaço menos acessível do guarda roupa.
Afinal ele será raramente utilizado então não deve estar no meio das roupas de uso diário, isto não é prático nem funcional...
 

Para organizarmos nossos amadados e sempre tão práticos vestidos o ideal é pendurá-los no local mais alto do cabideiro do guarda roupa, para não amassar a barra e pendurá-los em cabides, de preferência, arredondados nos ombros.

Mas se o guarda roupa vier com um espaço pequeno para o cabideiro, teremos que pendurá-los pela cintura, dobrando-os ao meio.
Separá-los por cor no cabideiro é o ideal para facilitar a escolha e pendurar um vestido por cabide ajuda a manter a ordem e a praticidade do manuseio diário. 
 
  As próximas dicas são para lingeries,
na parte III.
  Até já ;) 

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Dicas para organizar nosso guarda roupa - Parte I


Oi Pessoal!


Uma dica bacana para começarmos nossa organização é escolher um dia de folga ou para quem não trabalha fora, mas tem pimpolhos brincando pela casa, escolher um dia que seu maridão possa cuidar dos pimpolhos para organizarmos o guarda roupa com calma.

Escolhido o dia ideal, a primeira atitude é praticar o desapego!
Sim, o desapego, porque não vamos obter sucesso em nossa organização se estivermos “lotadas” de peças desnecessárias que só ocupam espaço e nos fazem gastar nosso, precioso tempo na escolha da roupa ideal, gerando uma grande bagunça e aquela eterna sensação de nunca termos o que vestir!

 
                                                                             
Tendências mundiais apontam cada vez mais para os conceitos de organização e limpeza, influenciadas pelos mandamentos do Feng Shui.
Essa filosofia oriental milenar, incentiva a eliminação dos supérfluos, pois preconiza que os excessos consomem a nossa energia e isto é fato!

Mas, se mesmo sabendo que guardar “coisas” que não usamos gera energia estagnada, portanto negativa, sentirmos dificuldades em nos livrarmos de certas peças, mesmo não usando-as, estamos com algum problema aí é melhor revermos nossos conceitos...
 
 
 
Para facilitar o desapego é preciso que tenhamos em mente que, apesar da moda ser um eterno recomeço é o estilo que retorna, com uma nova roupagem e não o produto em si até porque, a tecnologia da indústria têxtil tem evoluído muito ao longo dos anos e os tecidos e modelagens, com certeza, serão distintas das peças antigas que guardamos e servem apenas de inspiração.
 
         A próxima etapa no próximo post,
na parte II.

         Até já ;)
 
 
 

"Bafon" na internet Fofoca da boa rolando!!!!!!!


Alguém aí já está sabendo o que estão falando das Blogueiras Unidas???
Pois é gurias o tititi se espalhou na rede e
o babado tá forte!!!!!
 
 
Estão dizendo que elas são as Blogueiras mais Unidas
da rede!!!
 
 
E também dizem que elas, as "BU" estão cuidando até  dos bebês!!!!
 
 
Corre a boca pequena, que esta é uma das maiores responsáveis por tudo isto!
O nome dela é Siglea e dizem que não mede esforços pra fortalecer o blog de uma "BU"!
 
 E comentam ainda que são muito organizadas, bem informadas e que se multiplicam rapidamente...
Novos membros pululam nos blogs a cada instante!!!
 
 
E como se não bastasse tudooo isto, ainda contam com ajuda extra, a Divina!
 
 
Disseram também, que elas estão sempre com novos planos de ação!!!
 
 
E a cada dia ficam ainda mais fortalecidas com  parcerias poderosas!
 
 
A fama é que são parcerias repletas de Luz & Artes...
 
 
 
E guardem bem este rostinho, ela é uma das "BU" mais procuradas!!!!!
 
 
Dizem que é mágica que cria coisas lindas e que todas querem!!! 
 
 
Uma das novidades é que estão se organizando em turmas e cores por tipo de artesanato e pelo que eu soube, de uma fonte super mega ultra segura é que  pretendem fazer encontros por região!!!
E que em São Paulo e Minas Gerais já tiveram encontros!
 
 
E Euzinhaaa que não sou boba, não vou ficar de fora!
Olha aí minha carteirinha peguei ontem quero muito fazer parte desta turma linda unida e do bem!
 
Me perdoem a brincadeira kkkk
Agradeço a Siglea, Márcia e a Paulinha e aos meus queridos 53 amigos e amigas que fazem parte deste blog bebê, nesta data, que dão vida a ele gostaria de listar o nome de todos, mas sintam-se abraçados e homenageados, fiquem com meu carinho e amizade e que juntos cada vez mais possamos ser Blogueiras realmente muito Unidas!
Parabéns á todas as "Bu" este sucesso é de todas vocês!
 
Sozinhas somos Fortes mas Unidas somos Invencíveis ;)
 
"BU" EU SOU ;)
Bjs  no ♥


quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Dicas para organizar camisetas


 

Na correria do dia a dia a arrumação do nosso guarda roupa acaba, por vezes, ficando em segundo plano, que tal umas dicas para facilitar a organização?
Bora lá iniciar a organização ;)

Separe todas as camisetas colocando-as em cima da cama.

1°- Abra a camiseta com as costas virada para cima e coloque o gabarito deixando com uns 5cm acima da gola, facilitando assim sua retirada.

2°- Dobre as pontas laterais da camiseta para dentro, esticando bem.

3°- Dobre a parte inferior de baixo para cima, formando um retângulo.

4°- Retire o gabarito de dentro da camiseta e depois que estiverem todas dobradas empilhe-as de maneira padronizada, respeitando a ordem de cor.


 

 Para padronizar as dobras, utilize gabarito faça um,com cartolina, papelão ou plástico duro. O importante é que ele tenha as dimensões corretas de acordo com sua gaveta ou prateleira.

Corte o gabarito pelo menos 2 centímetros a menos do que o espaço onde serão guardadas as camisetas, para não se formarem pilhas de roupas justas demais.


Para padronizar as dobras, utilize gabarito faça um,com cartolina, papelão ou plástico duro. O importante é que ele tenha as dimensões corretas de acordo com sua gaveta ou prateleira.

Corte o gabarito pelo menos 2 centímetros a menos do que o espaço onde serão guardadas as camisetas, para não se formarem pilhas de roupas justas demais.






Faça seu gabarito, com papelão ou outro material mais resistente, como a capa de um caderno universitário por exemplo.

 Usando o gabarito suas camisetas estarão com os tamanhos padronizados, facilitando e valorizando a organização. E eu conheço umas artesãs da "BU" que fariam gabaritos lindos!!!!
 
Bjs ;)

Eu fiz a Toca pra Joaninha ;)


Como sabem não sou artesã, mas dou minhas coladinhas aqui e ali, aliás bendita cola quente!
Bem eu vi umas casinhas de passarinhos com caixa de leite e adaptei...
Eu nem tinha terminado e meu esposo querido já estava me motivando, antes de sair para trabalhar deixou este bilhetinho, marido motivador é "tudibom"



Fui colando aqui, cortando ali e ficou assim a Toca da Joaninha!
 
 
Pode até não parecer, kkkkk, mas é, eu fiz um mini chafariz para esta Toca ali no cantinho kkkkk

 
Coloquei na parede só pra namorar minha "cria"
 

As mini hortências ali colei uma a uma ficou bonitinha né?
 
   Ah! Eu adorei fazer ;)

Os maravilhosos Pallets

                                   Do lixo ao luxo...
A moda agora é reciclar, para ajudar a Natureza, mas isso faz bem ao Planeta e ao bolso! 
 

 
 
Aqui Pallets usados em duas versões diferentes na cozinha...
 
 
 

                     
 
 
Já nestes exemplos uma horta aérea e uma mesa que auxilia na jardinagem... 
 
  
     
                  
 
 
 
 
Podem ser usados como obra de arte para decorar nossa casa, basta usar a criatividade!
 
 

 
E cá entre nós, quem não adoraria ter este sofá lindo e sem gastar quase nada???
Bora lá reciclar porque esta moda é "tudibom"
 
 
 Adorooo ;)

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Com que panela que eu vou???


Alguns pesquisadores alertam que metais de panelas mal usadas contaminam a comida e levam a problemas como intoxicação, anemia, distúrbios gástricos e, no longo prazo, com o uso continuado, expõem usuários a substâncias cancerígenas.

Até revestimentos de níquel ou de material antiaderente, segundo pesquisas, têm riscos para saúde...

O assunto é bem polêmico, mas pelo sim pelo não vamos nos informar, informação é tudo!

 
Saiba como usar cada modelo:
 

                           
 
 
PANELA DE ALUMÍNIO:
 
Os cientistas ainda não sabem se o acúmulo de alumínio em regiões do cérebro é causa ou consequência no desenvolvimento do Mal de Alzheimer, esclarece Késia Quintaes. Mas como este acúmulo está relacionado à doença, recomenda-se que sejam usadas em cozimentos rápidos, como frituras por imersão, e no preparo de alimentos secos, como farofa.
 
Uma dica importante é não remover o óxido de alumínio aquela camada escura que se forma no fundo após a fervura de água. Ele reduz em até seis vezes a transferência do componente para a comida. Evite também arear.
 
O uso desta panela é também contraindicado para portadores de insuficiência renal. Mesmo na geladeira, não guarde alimentos em recipientes de alumínio.
 
COBRE:
 
No Brasil elas só podem ser vendidas se tiverem uma camada protetora, como o titânio. Isso porque aqui esse tipo de panela costuma ser usado para preparar doces e alimentos com tempo grande de cozimento, o que facilita a contaminação. Na França, por exemplo, ela é muito usada, mesmo sem proteção, para fazer crepes, que são secos e de preparo rápido. Os chefs gostam do cobre porque ele é bom condutor de eletricidade e distribui o calor de forma homogênea. Mas se o organismo acumular grandes quantidades de cobre, podem ocorrer problemas gastrintestinais. No longo prazo, há danos cerebrais, problemas renais e nas articulações. O excesso de cobre no organismo leva à leucemia e a câncer intestinal.
 
 
 
FERRO ESMALTADO:
 
A camada esmaltada impede a liberação de ferro para o alimento. Por isso, essa panela pode servir para guardar comida, depois de pronta, sem problemas de transmissão excessiva de ferro para quem tem colesterol alto. Se não for absorvido, ele se acumula em artérias. Assim como a de ferro fundido, essa panela mantém o aquecimento por mais tempo. Késia dá a dica para quem usa a de ferro fundido e se incomoda com a coloração escura adquirida pelo alimento:
- O ferro fundido pigmenta alimentos claros, como chuchu e abóbora. A esmaltada pode ser uma opção, mas desde que bem conservada.
 
 
FERRO FUNDIDO:
 
Esta panela é feita de um metal benéfico à saúde e até ajuda a complementação das necessidades de ferro do organismo. O metal da panela passa para os alimentos e é absorvido junto com eles. Ela é indicada para adolescentes, crianças, gestantes e pessoas com anemia. Mas mesmo neste caso é preciso atenção, informa a nutricionista Késia Quintaes: em excesso, o ferro pode causar hemocromatose  o depósito de ferro nos tecidos de alguns órgãos que, com o tempo, perdem as suas funções. Um modo de evitar isso é não guardar a comida na panela e usá-la para fazer só um dos integrantes do cardápio.
 
 
 
PANELA DE INOX:
 
Para o professor José Alberto Bonapace, do Instituto de Química da UFRJ , esta panela é bastante segura. Isso porque, como o nome diz, o material não se oxida e não libera o metal na comida - reação impedida pela camada de proteção de níquel que faz parte da sua composição. Mas a nutricionista Késia Quintaes recomenda ferver água de quatro a cinco vezes em panelas novas de inox, ou panelas que foram muito areadas, para impedir que a camada de níquel se desprenda. Tomado este cuidado, as panelas de aço inox são uma boa opção para guardar a comida depois de pronta e preparar carnes e molhos, que exigem mais tempo ao fogo.
 
 
 
ANTIADERENTE:
 
Pela praticidade, é muito utilizada nas cozinhas brasileiras. Mas, se for ao fogo muito alto, como na fritura, a queima do seu material pode liberar uma fumaça tóxica que, em experiências com cobaias de laboratório, resultou em câncer. Mas este efeito não foi comprovado em seres humanos. O professor José Alberto Bonapace, do Instituto de Química da UFRJ, recomenda atenção às rachaduras que se formam no fundo e podem servir de depósito de microorganismos.
- Busque produtos de qualidade para evitar a liberação de material tóxico - diz Bonapace, que recomenda o uso dessas panelas em média por cinco anos.
 
 
 
 
PANELA DE TITÂNIO:
 
Esses utensílios são mais recentes e modernos e, os preços, salgados. A nutricionista Késia Quintaes diz que as panelas de titânio não fazem mal à saúde, já que não há contaminação dos alimentos preparados nelas. Além disso, são mais resistentes. As panelas de titânio também podem ser usadas para guardar a comida depois de pronta.
- Elas não exigem a fervura que recomendamos nas panelas de aço inox, pois não há liberação de material na comida - afirma Késia.
O titânio é usado pela indústria, inclusive, para revestir as panelas de cobre e evitar que esse elemento se misture à comida em seu interior.
 
CERÂMICAS:
As panelas de cerâmica, principalmente as de barro com superfície marrom brilhante, devem ter selo de qualidade que garanta que não são usados compostos à base de chumbo. É comum encontrar em países pouco desenvolvidos produtos cerâmicos elaborados com óxido de chumbo na vitrificação. O chumbo é facilmente dissolvido no alimento, especialmente os ácidos. Saladas, frutas ácidas ou fermentados em contato com esse material podem ficar contaminados com componentes pesados como chumbo, mercúrio e cádmio. A intoxicação por cádmio traz problemas respiratórios, bronquite e hipertensão. O organismo incorpora o chumbo que é altamente tóxico, especialmente em crianças. ''O chumbo se deposita no osso em grandes quantidades como se fosse cálcio, o que produz um envenenamento generalizado'', explica Amaya-Farfan. Os danos são diminuição da capacidade mental. ''A criança se torna incapaz de compreender as matérias na escola. Também não consegue dormir à noite porque escuta barulho no intestino. Nesse caso é necessária intervenção médica'', diz. Nos adultos o chumbo provoca anemia. Os sintomas aparecem em crianças, após um ano de uso da panela; em adultos, quatro anos. O ideal são panelas de barro ou de cerâmicas ofuscadas.
 
 
 
PEDRA-SABÃO:

A natureza antiaderente e a capacidade de reter calor por muito tempo são as características mais atrativas. Segundo Késia, esse utensílio libera quantidades expressivas de elementos nutricionalmente importantes como cálcio, magnésio, ferro e manganês.A panela é comprada ''crua'', por isso a cor dela é clara. É um utensílio que libera quantidades expressivas de elementos nutricionalmente importantes, como cálcio, magnésio, ferro e manganês.






ESMALTADA:

As panelas esmaltadas atraem pela beleza, mas podem fazer tão mal quanto às de cerâmica vitrificada. ''O esmalte usado pode conter elementos tóxicos como o chumbo e os decalques na superfície interna, os quais podem conter cádmio '', adverte Késia. É desaconselhável o uso de utensílios antigos (fabricados antes de 1980) tanto esmaltados quanto os de cerâmica. A pesquisadora também diz que é preciso ter cuidado com utensílios pintados à mão, que vão desde colheres, facas, recipientes culinários, entre outros. Algumas tintas são à base de chumbo, que pode ser transferido para o alimento. É desaconselhável o uso de utensílios antigos, de antes de 1980 - tanto esmaltados quanto de cerâmica.


                                    
 
VIDRO:





As panelas de vidro são as únicas que não transferem qualquer resíduo para a comida. O material é obtido por um processo de congelamento de líquidos superaquecidos.
O maior atrativo do vidro é a beleza e a transparência que permite ver o processo de elaboração dos alimentos. A facilidade da limpeza é outro ponto positivo. Mas o preço e fragilidade do material pesam na escolha.


Algumas pessoas reclamam que elas queimam as mãos e não cozinham direito e não douram os alimentos...
 
Vou rever meus conceitos depois destas informações...
 
Bjs ;)
 
 
 Fontes:
\http://oglobo.globo.com/saude/panela-mal-conservada-perigo-para-saude-2786586
http://www2.uol.com.br/aprendiz/n_noticias/boca_livre/id160801.htm